UOL Empregos Grupos de Discussão
 

26/05/2010

Guarda Municipal de Americana é condenada por instalar câmera em banheiro. Comente

A 6ª Turma do TST (Tribunal Superior do Trabalho) condenou a Guarda Municipal de Americana (SP) a indenizar em R$ 20 mil, por danos morais, cada trabalhador que foi filmado usando o banheiro masculino. A decisão segue a sentença inicial da Vara do Trabalho. Anteriormente, o TRT-15 (Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região) havia determinado indenização no valor de R$ 5.000. Os trabalhadores queriam ser indenizados em R$ 45 mi.

A Guarda Municipal de Americana alegou que, pretendia, ao instalar a câmera, garantir a integridade física dos empregados, em decorrência de diversos ataques da facção criminosa PCC.

Para o ministro Maurício Godinho Delgado, que atuou como relator do recurso de revista no TST , a empregadora “deveria ter atuado preventivamente, adotando um sistema de segurança na portaria, impedindo eventual acesso dos criminosos à parte interna da corporação policial”.


* As informações são do Última Instância.

Você concorda com a condenação da Guarda Municipal de Americana?